#MAIORCAMPEÃODOBRASIL
|SITE OFICIAL
Crefisa FAM Puma

COPA LIBERTADORES

A trajetória do Verdão na maior competição de clubes da América

Voltar Jogos Libertadores

Artilharia isolada de Tupãzinho e outro vice

Após o vice-campeonato em sua primeira participação na Libertadores (1961), o Palmeiras ressurge na 9º edição da competição mostrando sua força mais uma vez. Vencendo 11 das 15 partidas disputadas, o certame só não foi melhor para o Verdão porque, novamente, a equipe ficou com a segunda posição na classificação final.

Dando prioridade à Libertadores naquele ano, o Palmeiras era um forte candidato ao título. No entanto, a saída repentina do treinador Mário Travaglini, em pleno campeonato, traria consequências que poderiam culminar na eliminação precoce do time. O clima caótico logo foi superado porque Julinho Botelho, então técnico das categorias de base, assumiu interinamente a vaga deixada por Travaglini e segurou as pontas até a chegada do argentino Alfredo González.

González, artilheiro do Palmeiras nos anos 40, era um velho conhecido da torcida. Já experiente como treinador – comandou o Sporting (POR), por duas temporadas, e o Bangu-RJ antes do Palmeiras –, o argentino arrumou a casa e conseguiu levar o time até a final. E apesar de não evitar o deslize na decisão, o treinador foi imprescindível para que seu time escapasse do rebaixamento no Campeonato Paulista, competição na qual o Verdão havia disputado boa parte dos jogos com o time reserva. Mesmo perdendo a final da Libertadores para o Estudiantes (ARG), o Palmeiras ganhou uma notável condecoração: a artilharia isolada do campeonato com o atacante Tupãzinho, autor de 11 gols naquela edição.

Campanha

15 jogos, 11 vitórias, 1 empate, 3 derrotas, 26 gols marcados, 13 gols sofridos.

Técnicos

Mário Travaglini, Julio Botelho; e Alfredo González.

Quem jogou

Jogador Posição Jogos Vitórias Empates Derrotas Gols
Ademir da Guia Zagueiro

15

11

1

3

4

Baldochi Zagueiro

15

11

1

3

0

Ferrari Lateral-esquerdo

15

11

1

3

0

Rinaldo Ponta-esquerda

15

11

1

3

2

Tupãzinho Atacante

14

10

1

3

11

Suíngue Volante

13

9

1

3

0

Minuca Zagueiro

10

8

1

1

0

Ademar Pantera Atacante

9

7

1

1

3

Servílio Atacante

9

6

1

2

3

Djalma Santos Lateral-direito

8

6

1

1

0

Dudu Volante

8

5

1

2

1

Geraldo Escalera Lateral-esquerdo

8

6

1

2

0

Perez Goleiro

8

6

1

1

-6

Valdir Goleiro

8

6

1

2

-8

Osmar Zagueiro

5

3

0

2

0

Júlio Amaral Volante

4

3

0

1

1

Toninho Ponta-direita

4

4

0

0

0

Cardozinho Ponta

3

3

0

0

0

Zequinha Volante

3

3

0

0

0

China Atacante

2

1

0

1

0

Quem Treinou

Técnico Jogos Vitórias Empates Derrotas
Mário Travaglini 6 5 1 0
Julio Botelho 2 1 0 1
Alfredo González 7 5 0 2